segunda-feira, 5 de outubro de 2009


ROSA ÚNICA

Em seu semblante eu vejo a dúvida
Ao mesmo tempo que acho que conheço bem, ao olhar no fundo de seus olhos algo me desnuda.
Mas o que me deixa com medo me aproxima por curiosidade
Eu queria entender seus medos e na minha cabeça formar uma imagem

À imagem e a semelhança de Deus
Faria isso de qualquer maneira, mesmo que fosse ateu.
Nas minhas melhores e piores fases você apareceu
E como a rapidez de um raio eu também acho que você desapareceu

Desapareceu porque eu não sou capaz de perdoar
Desapareceu porque não havia amor suficiente para amar
Desapareceu porque era isso que eu queria para mim
Desapareceu porque eu seria apenas feliz assim

Perto de você eu posso até sorrir
Mas distante de você eu me conheço melhor mesmo com a falta que eu vou sentir
Perto de você eu posso até estar
Mas distante de você eu tenho a certeza de que não vou chorar

Mas mesmo assim entendo você como uma rosa única
Assim como um diamante que precisa ser lapidado
Moldar com a devida paciência
E o resultado final seria como qualquer quadro de Picasso

Infelizmente eu não sou a pessoa certa para ajudar
Não tenho paciência, me julgo muito certo e não entendo atitudes erradas.
Não entendo as injustiças da vida
Não entendo traição, traíras e trapaças.

Talvez sejam fases diferentes e para te ajudar eu teria que retroceder
Assim como Jesus retrocedeu para voltar à Terra dos humanos antes de ser crucificado
Sendo assim, como disse Kurt Cobain: “É melhor queimar do que evanescer”
Evitando assim maiores machucados

Porque eu tenho sempre essa mania de querer ajudar?
É tão fácil ignorar a fraqueza dos outros, então pra que se preocupar?
Tenho o hábito de carregar os aleijados nas costas
Mas infelizmente dessa vez eu vou te deixar

Deixar para que a vida se encarregue dessa injeção de maturidade
Tenho certeza que em muito ou pouco tempo, você estará vivendo a felicidade.
A felicidade de saber o modo certo de viver a vida
E a rosa única, minha amiga, na hora certa brilhará na direção a ser seguida.

DANIEL BEDOTTI SERRA
19/05/2008

17 comentários:

Bia Maia disse...

Querido Daniel...

O que pode ser verdade para a gente, pode não ser para os outros...

E as rosas não falam...elas simplesmente exalam...

E eu aprendi quatro coisas na minha vida que hoje sigo como minhas leis, e gostaría de dividí-las com você:

1-Quem quer que esteja presente é a pessoa certa...

-2-Seja quando for que comece, é o tempo certo...

-3-O que quer que aconteça é a única coisa que poderia ter acontecido...

-4-Quando acaba, acaba.

Um beijo com carinho e linda semana para você!

Biazinha

as viciadas disse...

perfeito... olhos mareados...
beijos.

T.

Wagner Kern Velasques Jr. disse...

Daniboy,

"Amar sem esperar ser amado e sem esperar recompensa alguma. Amar sempre." Chico Xavier

Vc é assim como eu. Nunca mude seu jeito.

Abs, do seu amigo-irmão

teresa disse...

lindo poema daniel ,, lindo mesmo .
sabe as vezes amar, não chega para por de lado certas diferenças,
principalmente quando essas diferenças nos fazem mal , nos deixam pra baixo, quando do nosso lado damos tudo e do lado de lá não recebemos nada .
quando é assim é melhor deixar a pessoa se encontrar , crescer um pouco e ver aquilo que esta a perder .

beijinho

Chica disse...

Lindo teu texto relatando um momento cheio de dúvidas e interrogações.E essas só poderão ser respondidas num olhar mais profundo teu para dentro de ti e pra situação.um abração e tudo de bom,chica

Lilianne Mirian' disse...

- Olá Queriidao
Imagiina.. Não foi Muiito difícil indicar seu Blog heiin.. Ele é realmente é muito Criativo e um Sonho!!( Lembrando q são 2 selinhos)
E siim.. são REGRAS.. cê tb precisa fazer "aquilo Lá"
AdoroO Ler Você;)

Beiijo

O Árabe disse...

Sentido, Daniel. Sentimento em cada palavra. Como se deve escrever. Mas vai passar... sempre passa. :) Meu abraço, boa semana.

Daniel disse...

É importante deixar bem claro que essa poesia é bem antiga, e não representa, de maneira alguma, o que eu vivo ou sinto hoje, pelo contrário, vivo uma das épocas mais felizes da minha vida no amor.

Eu postei porque apesar de ser uma poesia triste, acho que ela é bonita por ser real, verdadeira, saiu do coração.

Eu continuo navegando pelo mar azul dos olhos dela.

Daniel

prafrente disse...

Mesmo sendo antiga continua sendo atual.
Nem sempre o sol brilha, também há dias em que a chuva cai.Cai na natureza e cai no coração.
E a rosa única que brilhará na hora certa faz-me lembrar a frase de Paulo Coelho "há sempre alguém que espera outro alguém, seja no meio do deserto ou no centro de uma grande cidade"...

Mas será a rosa certa?

Um abraço de Portugal

Sandra ' disse...

O que é antigo para ti, é actualíssimo para tantos. Não existe ficção dentro da realidade, mas existem realidades dentro da ficção.

Lindíssimas palavras, escreves muito, muito bem. E o tempo só prova isso mesmo.


ps: hoje tou sem inspiração, desculpa.

beijinhos :)

Cris Teles disse...

Belíssima poesia...
Aprendemos pelo amor ou pela dor!!
Beijos!!

Luna disse...

"Eu continuo navegando pelo mar azul dos olhos dela."

...e eu acho lindooo e vou roubar esse dizer pra mim...e dizer que quero navegar no verde-mar dos olhos dele...

- quem entende trapaças?

beijos.

Jeany disse...

Me identifiquei de forma absurda!!!

Como é gostoso ler algo que outro te define, rs!

Beijos

Prity disse...

Sabe, as vezes existem relacionamentos que simplesmente não brilham. O diamante não lapidado é apenas carvão. Mesmo que a gente insista em vê-lo de outra forma.

P.S -Sabe, desde que tu me indicou o livro "A cabana" não vejo a hora de ler, mas nunca tenho tempo de comprar quanto mais ler! Mas prometo ler e comentar no blog!
beijos

Luciana disse...

Ainda bem que li o seu comentário. Porque senão ia ficar muito triste de pensar que não a está namorando mais.
Ainda bem!
Mas tudo que fala de rosa é bonito e voce tem um jeito especial dos poetas em expressar alegria e tristeza
Com carinho Monica

Mônica disse...

Eu sou meia desligada. Você já é casado?
Que coisa boa. Depois voce me conta mais sobre sua esposa?
Ainda releio o que escreveu alguns dias atras.
Com carinho Monica

Elisa no blog disse...

Que lindo.
Vc sofreu de dores de amor no passado, mas hoje está feliz como disse. Isso é muito bom, prova que a dor não dura para sempre e devemos estar abertos para um novo amor.
bj