segunda-feira, 29 de outubro de 2012


ÉPICO

Indícios de solidão...
Hora de repaginar a vida e encontrar uma efetiva solução.
Deixar para trás toda a podridão acumulada ao longo de toda estação.
Hora de buscar os tesouros acumulados no fundo do mar...
e pendurar na estante da sala para a todos mostrar.
Como trofeus de toda uma época.
Como se fosse juntar as melhores frases dos melhores livros...
ou as melhores melodias dos melhores discos.
Meninas e Meninos, eu vos digo:
Levantem-se do sofá, desliguem a televisão, e mexam-se, pois a vida não é um seriado de televisão.
Ela passa rápido.
Assim como um raio.
Ela é uma batalha diária...
e acaba no melhor momento, bem rápido.

DANIEL BEDOTTI SERRA

quinta-feira, 25 de outubro de 2012


HUMOR OU SUICÍDIO?

Perdi a conta!
E sinceramente já nem sei quantos dias estou preso nessa prisão.
Humor ou suicídio?
Eis a questão!

Meu coração aperta.
Pobre coração!
Que de tão humano...
pode sofrer do coração.

Sofre de antemão.
Sofre depois também.
Só não sofre quando dorme...
então dorme neném.

Neném, meu bem.
Não chora, neném...
deixa que o papai chora por você, NENÉM.

DANIEL BEDOTTI SERRA

quarta-feira, 17 de outubro de 2012


UM BRINDE ÀS CRIANÇAS DE VERDADE

Tenho medo do inevitável!!
Tenho medo do desconhecido!!
Tenho medo de me tornar "o bandido" e criar "um mocinho", pois na verdade o mocinho sou eu.
Sinto que a responsabilidade sempre cai nos ombros dos mais fortes... dos homens. Não por uma questão de machismo, eu sei que todos somos iguais, mas sim porque a sociedade espera "segurança" de um homem. É seu esse dever!
Logo, aqui estou eu!
Cercado de medos, desejos e dúvidas, aguardando uma resposta dos céus. Um perdão dos céus. Um perdão para a reconciliação eterna. A aprovação para ter em definitivo o convívio com Deus. Um relacionamento aprovado por Deus.
E se a sua vontade for o contrário, quero voltar a ser criança. Sem responsabilidade!

Um brinde às crianças de verdade!
Um brinde aos adultos de verdade!

Feliz dia das crianças!! Que esse dia seja eterno.

DANIEL BEDOTTI SERRA

terça-feira, 9 de outubro de 2012


quarta-feira, 3 de outubro de 2012


É!

É orgulho... É amor... É saudade... É desespero...
É platônico... É tempero....
É uma ponte até a felicidade, logo ali na frente... mas a ponte é longa como uma anaconda em movimento.

Fácil de entender...
Chega a doer...
Vontade de morrer... e nascer.
Quantas vezes precisar...
É assim que deve ser...
É o preço que eu estou disposto a pagar...
Para eternamente ter você!

DANIEL BEDOTTI SERRA